Se for sonho

enFIM, quanto a mim,
Estarei por aí pelo mundo,
Ficarei sentada a beira da estrada
Olhando o vazio nos dois extremos
Observando a formiga carregando a sua folha
Ou a beira mar
Sentindo a maresia
Observando as ondas indo e vindo
Trazendo seus sonhos
E levando os meus
Talvez viajando na solidão da estrada
Ouvindo bossa, talvez eletrônica
Até chegar, onde devo chegar.
Se acaso isso tudo for um sonho
Por favor me acorde
E não me deixe dormir.

Marcadores: , , | edit post
Reações: 
0 Responses

Postar um comentário

Deixe aqui as impressões do seu coração, pois são importantes para mim.

  • Onde estará o meu amor?

    Fidelity

    Velocidade da luz

    Abrazame

    Poucas palavras

    ... e nesse caminho me perdi e me encontrei
    Não sei em que parte do caminho
    Começou a ave comer minhas sementes
    Olho para trás e não encontro o início,
    Onde comecei a perder-me.
    Ou melhor, onde comecei a me encontrar.
    Tanto faz
    Ainda há caminho